Saiba o que levar para um intercâmbio na Austrália

O que levar para um intercâmbio na Austrália

Passagens compradas, hospedagem garantida e passaporte em mãos. Está tudo organizado para você embarcar para a terra dos cangurus e ter uma experiência única enquanto estuda no país, ganhar fluência no inglês e conviver com nativos e pessoas de diversas nacionalidades.

Porém, ao chegar o tão esperado momento de arrumar as malas, bateu aquela dúvida sobre o que levar para um intercâmbio na Austrália? Se a sua resposta foi positiva, saiba que não é o único a passar por isso, viu?!

Na realidade, esse é um dos maiores questionamentos de quem planeja estudar do outro lado do mundo, em especial entre aqueles que vão permanecer meses ou mesmo anos em território australiano. Afinal, muitos intercambistas se perguntam se vão sentir falta de algo do Brasil ou da cidade natal, se vão encontrar os produtos com os quais já estão acostumados e por aí vai.

Como resultado, acabam exagerando na quantidade de bagagens e, muitas vezes, levando itens desnecessários. Pensando nisso, preparamos um post para ajudá-lo a se preparar para a sua viagem com dicas do que é, de fato, essencial levar com você e o que é dispensável, já que é possível encontrar no seu destino. Acompanhe!

Documentos e dinheiro

Para começar, há o dinheiro e a documentação. Em relação ao primeiro, o recomendado é não ter ele apenas em espécie, ainda mais em grandes quantias. Afinal de contas, sempre há o risco de, sem querer, você perdê-lo — o que, certamente, vai gerar uma baita dor de cabeça! Portanto, diversifique a forma de levá-lo com cartões pré-pagos (os chamados cash passports) e cartões de débito/crédito.

Quanto à documentação, por sua vez, ela varia de acordo com o tipo de intercâmbio que você fará. Por isso, vale a pena checar as informações no portal do Departamento de Imigração da Austrália e contar com a orientação e o suporte de uma agência de intercâmbio durante todo o processo.

Roupas

As roupas são, sem dúvida, uma das coisas mais simples quando o assunto é o que levar para um intercâmbio na Austrália. Isso porque você coloca na sua mala os itens que achar mais convenientes, estilosos e confortáveis para si mesmo. Por isso, as nossas dicas sobre esse tema ficam por conta de dois aspectos importantes.

O primeiro é a duração da sua estadia em território australiano. Caso ela seja superior a doze meses, é uma boa ideia não transportar uma quantidade muito grande de roupas. O motivo disso é que, eventualmente, você vai comprar mais peças no país. Ou seja, no seu regresso você acabará lidando com excesso de bagagem.

O segundo diz respeito às estações do ano, já que na Austrália elas são mais bem definidas do que no Brasil, em especial na região sul da nação — onde estão cidades como Melbourne, Sydney e Camberra —, na qual o clima é mais temperado. Portanto, é indicado garantir que as suas peças estejam apropriadas às temperaturas locais, ainda mais no verão e no inverno.

Remédios

Em relação aos remédios, saiba que você pode montar uma pequena necessaire e levar aqueles com os quais já está familiarizado, como os que são indicados para cólicas, dores de cabeça, resfriados, alergias, viroses etc. Porém, é preciso ficar atento, pois isso não significa que todo tipo de fármaco está liberado, viu?

Os remédios tarja preta, como sedativos e ansiolíticos, só são aceitos quando o intercambista faz algum tipo de tratamento que exige a necessidade de medicação controlada, como os de transtorno de ansiedade e depressão.

Do contrário, eles são barrados. Logo, se esse é o seu caso, é preciso providenciar a tradução juramentada das receitas deles, nas quais o seu médico deve explicar o motivo de você usá-los, o período do tratamento e qual a dose diária que é ingerida. O mesmo é aconselhável para quem faz uso de medicamentos (principalmente os injetáveis) por conta de doenças crônicas, como diabetes, hipertensão e asma.

Produtos de higiene e beleza

Continuando o nosso post sobre o que levar para um intercâmbio na Austrália, há os produtos de higiene e beleza, como xampu, condicionador, sabonete, maquiagem etc. Nessa seção, não há muito mistério e você pode transportar na sua bagagem despachada os itens que desejar.

A restrição que existe é em relação à bagagem de mão, uma vez que só é permitido um único saco plástico com frascos de até 100 ml, independentemente de conterem líquidos, géis, cremes etc. Lembrando, é claro, que a soma de todas as embalagens não pode ultrapassar um litro.

Porém, esses itens não são indispensáveis e, justamente por isso, não é necessário levar uma grande quantidade, ok? Afinal, você pode comprar os mesmo produtos ou versões similares na cidade onde vai morar, em supermercados, farmácias e lojas de cosméticos.

Alimentos e bebidas

Para encerrar, chegamos aos itens que mais geram dúvidas: os alimentos e as bebidas. Afinal, há quem não queira abrir mão de manter os mesmos hábitos alimentares que leva na cidade natal — o que é compreensível e é uma decisão que cabe somente a você.

Por isso, saiba que a grande maioria dos produtos que você encontra em supermercados brasileiros também vai achar nos supermercados australianos, em especial nas grandes redes do país, como Coles, Aldi e Woolworths. O que pode ocorrer é as marcas sofrerem alterações nos respectivos nomes, algo bem comum. Por exemplo, na Austrália, a Kibon é conhecida como Streets, enquanto a Lay’s é chamada de Smith’s.

Além disso, até produtos de circulação nacional podem ser encontrados na terra dos cangurus, já que há armazéns especializados na venda de marcas brasileiras. Uma prova disso é o bairro Petersham, em Sydney, que é bastante conhecido por conta deles.

“Então não preciso levar nenhum tipo de alimento ou bebida na mala?”, você deve estar se questionando. A resposta, contudo, é um “depende”. Isso porque produtos regionais (como doces, compotas, biscoitos, snacks, sucos etc.) que são vendidos apenas no seu estado ou só na sua cidade dificilmente serão encontrados em outros lugares do mundo.

Portanto, nessas situações, é uma boa comprar algumas unidades e levar consigo. Apenas se certifique de que as embalagens, especialmente as de bebidas, estão devidamente vedadas para não sujarem seus calçados, acessórios e roupas. Quanto ao que não pode ser levado, entram na lista os alimentos perecíveis (como carnes, ovos, frutas, vegetais e frios), pois eles podem estragar durante a viagem.

Agora que você já sabe o que levar para um intercâmbio na Austrália, vai ser muito mais fácil planejar a sua bagagem, e não cometer excessos com coisas que, literalmente, só vão ocupar espaço em suas malas, não é mesmo? Por isso, não deixe de rever este post quantas vezes for preciso, para não esquecer nenhuma das nossas dicas!

Aproveite e siga a gente no Facebook, no Instagram e no Youtube para ficar por dentro do que você pode esperar na Austrália e na Nova Zelândia!

Mail